09/04/2012 18:00

Cantor mexicano é sequestrado e baleado por se recusar a repetir música em show

Julio César Leyva Beltrán está hospitalizado com fraturas causadas pelo tiroUm cantor mexicano do grupo "Los Ciclones del Arroyo" foi sequestrado e ferido à bala numa perna por ter se negado a cantar mais uma música ao término de um show. O pedido de bis havia sido feito por um grupo de pessoas durante uma festa popular. O incidente ocorreu na madrugada do último sábado (07), e Julio César Leyva Beltrán está hospitalizado em Los Mochis com fraturas na tíbia e perônio causadas pelo tiro.
 

O trio

Um porta-voz da polícia municipal de Choix disse à agência "Efe" que a apresentação acontecia numa região chamada de La Guayaba. Após o trio se negar a tocar a canção pedida pelo público, Julio, de 41 anos, foi levado à força num veículo. Os outros dois componentes avisaram às autoridades. Horas depois, o cantor foi deixado num hospital ferido e com sinais de tortura.

https://extra.globo.com/

—————

Voltar


Tópico: Cantor mexicano é sequestrado e baleado por se recusar a repetir música em show

Nenhum comentário foi encontrado.